Recomendações

(181)
Luiz Antonio Pedrotti, Assistente Administrativo
Luiz Antonio Pedrotti
Comentário · mês passado
Menu do usuário
Para você
Consulta Processual
Jurisprudência
Artigos
Notícias
Diários Oficiais
Modelos e Peças
Legislação
Diretório de Advogados
7 Comentários

Luiz Antonio
Luiz Antonio, faça um comentário construtivo para esse documento.

Escreva aqui...
COMENTAR
Luiz Antonio Pedrotti
5 dias atrás
Atualmente a infidelidade não é unilateral. Não é só o homem que trai. A mulher, também comete o mesmo ato e hoje, pode-se dizer que os números se igualam.
Se para o homem teria que haver uma indenização em pecúnia como forma de punição à quebra de contrato, igualmente teria que haver para a mulher porque o ato é o mesmo e os direitos são iguais.
O mesmo procedimento teria que ser equivalente…
continuar lendo

4
Luiz Antonio Pedrotti
2 dias atrás
A rigor, não seria necessária multa pecuniária. Basta estabelecer direitos iguais. Quando o homem trai, a prioridade do bem imóvel no qual habitam é por direito da mulher e dos filhos, se houver, além da obrigação de arcar com pensão alimentícia.
Idêntica obrigação, deveria, em tese caber àquela que trai. Perde a guarda dos filhos, arca com pensão alimentícia, deixa o lar e vá viver com o outro.
continuar lendo

3
Isa Bel
5 dias atrás
Não faz necessário não, Luiz. Em um casamento existe um contrato onde a fidelidade é um dos requisitos essenciais. Hà uma quebra desse contrato, quando há traição. Lembre-se que casamento não é sentença perpétua, então o adúltero safado tem sempre a chance de deixar o matrimônio, se precisa ter relações sexuais com mais de um parceiro. Se não o faz, quebra o contrato e alguma puinção contratual…
continuar lendo

1
Sofia Jacob
3 dias atrás
Sempre necessário analisar o caso concreto, concordo plenamente.
1
Isa Bel
2 dias atrás
Não disse q era. Na língua portuguesa, quando há flexão de gênero e queremos usar palavra que se refira aos dois gêneros, usamos no masculino, mas se refere ao traidor (homem ou mulher). Portanto, meu comentário é que adúltero deveria pagar multa quando descumpre o requisito fidelidade no contrato de casamento.
1
Danielle Borques
1 hora atrás
Como o senhor mesmo disse, quem mais sofre são os filhos, em casos de divórcio... mesmo assim, o senhor argumentou que se deveriam usar os filhos, retirando a guarda deles do genitor adúltero, como punição por seu ato.
Vamos pensar a respeito, a traição entre o casal em nada tem a ver com a relação dos pais com seus filhos, uma pessoa que tem uma relação extraconjugal não é…
continuar lendo

1
Luiz Antonio Pedrotti
6 minutos atrás
Danielle

Tal como disse, trata-se de uma questão complexa. Infelizmente, em nenhum país do mundo, o processo de separação de casais deixa de causar danos psíquicos nos filhos.
Nos EUA, por exemplo, não raro ocorre a interferência do governo, quando da separação dos casais, especialmente quando não demonstram capacidade para criar os filhos. O governo simplesmente retira os filhos do casal e os manda para casas de adoção. Resultado: dificilmente o casal ou um deles recupera os filhos. Isso é mais traumático ainda.
Tal como disse e repito. Ambos têm que ter caráter. Sem isso, sinto muito mas não há pena pecuniária ou pensão alimentícia que pague o bem estar dos filhos.
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

Outros advogados em Balneário Camboriú (SC)

Carregando

Sofia Jacob

Entrar em contato